Vale destacar que atualmente os idosos buscam por atividades cada vez mais intensas e animadas, procurando se distanciar daquele estereótipo tradicional de que as pessoas da terceira idade devem se divertir apenas com jogos de baralho, partidas de dominó, crochê e tricô, por exemplo. Para mostrar que hoje os idosos podem (e devem) fugir da monotonia, separamos algumas atividades perfeitas para oferecer momentos de lazer e entretenimento para quem tem mais de sessenta anos. Confira abaixo as nossas sugestões!

Viajar é sempre diversão garantida

Não é a toa que o número de empresas especializadas em levar grupos de idosos para conhecer várias partes do Brasil tem aumentado tanto. A viagem ajuda a socializar, descansar, e a proporcionar muito prazer e relaxamento, além da possibilidade de conhecer novos lugares, culturas e pessoas.

De acordo com estudos, os benefícios de uma viagem para o corpo e a mente dos idosos são incontáveis!

Relaxar por meio da leitura

Um dos melhores exercícios para manter o cérebro afiado seja em qualquer faixa etária, a leitura na terceira idade contribui para o entretenimento e estímulo da capacidade da memória e aumento da atenção.

Esse excelente passatempo ajuda muito no relaxamento, já que as diferentes histórias e personagens estimulam a imaginação dos leitores.

Música para descontrair

Quem não se sente bem quando ouve aquela música que ama, não é verdade? Para os idosos, a música é uma excelente alternativa de entretenimento e bem-estar, principalmente quando envolve a dança.

A dança evita o sedentarismo, contribui para a capacidade aeróbica, e também aumenta a resistência física. A dica é realmente dançar e curtir muito! Para os mais audaciosos, aprender a tocar um instrumento pode ser mais uma forma de entretenimento apaixonante.

Teatros, concertos e cinemas

Descontração e entretenimento sempre estão presentes nas sessões de filmes, concertos e peças teatrais. Os concertos são ótimos para relaxar a mente e o corpo, as peças teatrais são uma ótima fonte de diversão e distração e os filmes aumentam a capacidade de compreender o mundo ao nosso redor e sair da rotina, além de emocionar.

Outra vantagem é que o Estatuto do Idoso garante, para as pessoas acima de sessenta anos, o direito a meia-entrada nos eventos!

Passeios ao ar livre

Uma das melhores formas de descansar a mente e o corpo é um passeio ao ar livre, seja na praia ou em parques. Outra grande vantagem de uma caminhada ao ar livre é o exercício físico como forma de fugir do sedentarismo e de doenças comuns nos idosos, e também para garantir um envelhecimento saudável.

Percebeu que não precisa de nada complicado ou que gaste muito para se divertir na terceira idade? O importante é realmente tomar a iniciativa de tornar o lazer e entretenimento parte do cotidiano do idoso. O que você achou das nossas opções de entretenimento na terceira idade? São coisas bem simples, não é mesmo? Se tiver mais alguma sugestão, basta comentar abaixo!